Como escolher uma máquina de expresso para sua casa?

Máquina de expresso blog

Você é daqueles que não deixa de tomar um café expresso depois do almoço e bate ponto naquela cafeteria perto do trabalho?

Ou tem uma máquina de expresso disponível no próprio escritório? Que sorte, hein?!

Mas e na sua casa? Bateu aquela vontade de tomar um “espresso” e como faz?

A máquina de expresso foi objeto de cobiça no passado. O eletrodoméstico entrou para as listas de casamentos e tê-lo em casa era sinal de algum status.

Porém, com a chegada das cápsulas e dos variados métodos de café coado no mercado, a cafeteira perdeu a exclusividade e a pompa. Mas há quem não se separe dela.

Na série Café pelo mundo: Itália, falamos da origem das primeiras máquinas de expresso.

“O espresso é meu café preferido”, confessa Rodolfo Pinheiro, cliente do Grão Gourmet.

Rodolfo aproveitou sua predileção para sugerir o tema desse post por meio do facebook do Grão Gourmet.

Por sinal, ele procura algumas orientações para a compra de uma nova máquina, mais moderna e eficiente. A antiga quebrou e ele não abre mão de um espresso feito em casa, com seu café preferido.

espresso_xicara

O que você procura?

Abel Martins, sócio-proprietário da Swiss Coffee Brasil (empresa especializada em manutenção e aluguel de máquinas) é quem passa algumas valiosas dicas para Rodolfo Pinheiro e para todos os fãs de expresso.

Conforme Abel, existem dois tipos dessas cafeteiras para residências:

  1. as automáticas (basta apertar o botão para extrair a bebida)
  2. as semiautomáticas, que têm um perfil mais próximo ao das cafeterias.

Cafeteiras Automáticas, café em um clique

Nesse caso, o consumidor quer um bom espresso sem abrir mão da comodidade.

Basta abastecer o reservatório de água e de grãos, e apertar o botão para a bebida cair na xícara.

Mas por trás da praticidade há muita tecnologia envolvida. Tudo isso influencia no preço. Os valores podem variar de R$ 2 mil a R$ 5 mil e as marcas mais conhecidas no mercado são Saeco, De Longhi, Gaggia e Jura.

Mesmo com a facilidade de ter um espresso à mão em poucos minutos, o empresário alerta para alguns cuidados essenciais e esquecidos no dia a dia: manter o reservatório de água limpo e sem resíduos, fazer enxagues para a limpeza dos bicos de saída de café e limpar sempre o reservatório da borra.

“Ela causa mal cheiro quando acumulada. Aconselho também tirar essa gaveta durante à noite para o equipamento ficar ventilado”, informa.

Semiautomáticas, quase uma cafeteria em casa

Mas quem é coffee lover de verdade, tem a sua cafeteria em casa!

E não pode faltar a máquina de expresso, de preferência um modelo onde você possa controlar temperatura, ver a pressão e usar seu tamper favorito para colocar o café no porta-filtro e compactar.

imagem Cafeteira Express 127v

Esses modelos oferecidos no mercado são variados (Saeco e De Longhi são as marcas mais comuns) e a partir de R$ 1.000 é possível adquirir uma cafeteira dessas.

Porém, Abel Martins atenta para um dado importante: o moedor de grãos (caso o equipamento não tenha) é indispensável para produzir um café de qualidade. “Outra opção é comprar o pó moído em cafeterias ou lugares especializados, jamais em supermercados”, diz.

A Tramontina está com dois modelos da Cafeteira Expresso Breville, um com moedor de café acoplado e outro sem. São ótimas para quem quer começar a fazer seu espresso em casa!

Fora de estoque

Equipamentos e Métodos de Preparo

Cafeteira Expresso Tramontina PRO Breville – 127 V

R$ 4.699,90

Aprenda tirar um bom espresso em uma cafeteira semiautomática

Quanto à limpeza do equipamento, Abel chama especialmente atenção para o reservatório da água, a “bandeja pingadeira” e o grupo, no qual é encaixado o porta-filtro. “Ali existe uma peneira que sempre acumula muito pó. Se ficar suja, mais rápido ficará entupida a saída de água”, explica.

Você gostou desse post, tem alguma dúvida específica ou sugestão? Faça como o Rodolfo Pinheiro e escreva para a gente!

Aproveite e venha conhecer nosso clube de assinaturas de café!

27 thoughts on “Como escolher uma máquina de expresso para sua casa?

    • ALVARO TORTATO says:

      GOSTARIA DE SABER QUAIS AS DIFERENÇAS DOS MODELOS DA GAGGIA?
      PANARELLO, XL E PRESTIGE? SENDO QUE ENCONTREI POUCAS INFORMAÇÕES SOBRE ESSE ASSUNTO. OBRIGADO E AGUARDO.

  1. lindaura says:

    Eu gostaria de ter uma cafeteira de cafe expresso, eu gosto muito do café goumet já fasso uso do café☆☆☆☆☆

  2. Ewerton says:

    Muito boa essa matéria, estou interessado nas cafeteiras da Cuisinart, agora eu não sei se compro a AM100 ou AM200. Vou pesquisar a melhor opção.

    • Renata Kurusu Gancev says:

      Oi Ewerton! Que bom que gostou da matéria 😉 Isso mesmo, pesquise antes de escolher a que melhor se adequa ao seu uso. Um abraço, Renata.

  3. Afonso Salgado says:

    Olá pessoal, tenho em casa duas máquinas. de cápsulas (Nespresso e Três), uma Italiana Bialette, V-60, French Press e o tradicional coador. Estou decidido pela aquisição de um máquina de espesso, estou entre a Breville daTramontina e a Jura.
    Pode me dar algumas dicas para me ajudar?
    O que ganho e perco com uma ou outra?
    Abs.

    • Renata Kurusu Gancev says:

      Oi Afonso, tudo bem?
      Muito obrigada pelo seu comentário/dúvida.
      Bom, se quiser fazer um espresso ao toque de um botão, colocando os grãos em um compartimento e com a moagem na hora, opte pela Jura.
      Se quer fazer de forma mais artesanal, compactando você mesmo o café no filtro, iniciando esse aprendizado de fazer um bom espresso como um barista, recomendo a Breville. Se já tem moedor de café, pode ser a Breville sem moedor. Se não, a Breville com moedor acoplado.
      Se a ideia é fazer sempre um café diferente e testar, a Breville irá te proporcionar isso.
      A Jura é prática, você pode regular alguns ajustes, mas não é a ideal para fazer a cada hora um café diferente.
      Espero ter ajudado 😉
      Abraços, Renata

    • aart schotsman says:

      temias un jura S7
      trabalhei 20 anos sem problemos. ainda o problemo esta que ele esta au fim de ca vida. lu todos sobre breville, mas eu querro uma one touch. demais eu tem mais confianca de jura(p.ex. ena 6 ou 8)
      le jura fiz +/- 60.000 copos cafe. Classe !!

  4. Thays says:

    Olá… ótima matéria! Eu sou uma pessoa muito prática, sem tempo para nada… e apaixonada por um bom café. Estou atrás de uma máquina automática que faça tudo ao toque de um botão. O que li em alguns comentários é que em alguns modelos o primeiro café acaba saindo frio (tenho medo de investir numa máquina com este problema). Qual você me indicaria?
    Obrigada

    • Renata Kurusu Gancev says:

      Oi Thays, tudo bem? Eu indico marcas conhecidas no mercado como Gaggia, Saeco e Jura, mas dê uma olhada em alguns fóruns de café para ver a opinião do pessoal que usa 😉

  5. Silvia says:

    Estou querendo comprar uma máquina que moa os grãos e faça o expresso. Estava olhando os modelos da Saeco (Lirika, por exemplo). Mas entrei em contato com a Philips e eles afirmaram que a Philips não está mais fabricando Saeco para uso residencial. Achei isso muito complicado, pois seria um bom investimento.

  6. ALVARO TORTATO says:

    GOSTARIA DE SABER QUAIS AS DIFERENÇAS DOS MODELOS DA GAGGIA?
    PANARELLO, XL E PRESTIGE? SENDO QUE ENCONTREI POUCAS INFORMAÇÕES SOBRE ESSE ASSUNTO. OBRIGADO E AGUARDO.

    • Renata Kurusu Gancev says:

      Oi Alvaro, tudo bem?
      Seguem as diferenças entre os modelos da Gaggia: a Panarello possui o bico para vaporizar o leite, mas não tem o reservatório para armazenar o leite e fazer o cappuccino ou o macchiato de forma automática, como a XL e a Prestige. A diferença entre a XL e a Prestige é a acabamento em aço inox da Prestige, as funções são as mesmas. Um abraço, Renata

  7. Lina says:

    Bom dia!
    Gostaria de saber a diferença entre a Gaggia Anima e a Saeco Lirika, encontrei poucas informações sobre qual seria a melhor. Obrigada

  8. Ronald W Potier says:

    Parabéns pelo blog.
    Comprei uma Prima Latte 2 da Oster. Alguém pode dizer se é boa.
    Fiz meu primeiro expresso com um grão premiado da Santa Clara e confesso que fiquei decepcionado com sabor. Será que a culpa foi minha? Era melhor fazer coado ou com Moka?

  9. Eduardo Oliveira says:

    Por favor
    Excelente as suas matérias sobre café
    Parabéns
    Tenho um consultório médico com uma média de 20 cafés tirados por dia e as pessoas é que se servem na máquina
    Tenho atualmente uma saeco trevi
    Vou ter que trocá -la pois está dando muita manutenção
    Estou em dúvida entre uma Gaggia syncronic logic e uma Saeco Lyrica
    Poderia me ajudar?

    • Leonardo Machado says:

      Eduardo, opinião pessoal… Saeco, continua na marca… imagino que sua Trevi está contigo há longos anos, se for igual de um amigo meu, que tem uns 7 anos, foi dar a primeira manutenção a pouco tempo.

  10. Leandro Marcilio says:

    Bom dia, por favor, o que de fato faz o café sair cremoso? ou mais crema como preferirem, pressão bar? potencia da maquina? moedor ser inox ou ceramica? o grão de café? sabendo-se disso qual maquina automatica ou semi vcs indicariam? Obrigado

  11. Fernando Pieruccini says:

    Qual a melhor cafeteira expresso, DeLonghi ou Saeco.
    Tenho uma Delonghi Super automática mas não consigo tirar um café igual aqueles que tomo fora.

    • Renata Kurusu Gancev says:

      Oi Fernando, tudo bem?
      Poxa, não sei te responder, pois não tenho essas máquinas para comparar. Você já entrou em algum fórum de café para saber? Acho que podem te ajudar.
      Tem um fórum muito bom que chama Clube do Café.
      Um abraço,
      Renata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Abrir WhatsApp
1
Você precisa de ajuda? Fale conosco!
Olá!👋
Podemos te ajudar?
Powered by