Esse é o café edição 118 do nosso clube de assinaturas!

Para o mês de fevereiro selecionamos um café da variedade catuaí amarelo da região do Cerrado Mineiro.

A história do produtor Inácio Carlos Urban na cafeicultura foi iniciada em 1976 quando chegou ao Cerrado com a ideia de cultivar diversos alimentos e exportar para o mundo!

Esse lote de café especial é da variedade Catuaí amarelo e tem notas de doce de leite, caramelo e chocolate. Corpo cremoso e acidez equilibrada.

Um café de um terroir privilegiado da região vulcânica 😉

Produtor: Inácio Carlos Urban

No dia 24 de maio de 1976, o jovem Inácio Carlos Urban, com 25 anos, chegava à cidade de Patos de Minas (MG) vindo de Não Me Toque (RS).

Trazia consigo a determinação, força de vontade e o sonho de produzir em larga escala para alimentar o mundo!

Foi na região do Cerrado Mineiro, no Alto Paranaíba, que se inicia a história do Grupo Farroupilha, que hoje tem 47 anos.

Em terras até então consideradas inférteis, Inácio conseguiu prosperar e fazer parte da mudança do agronegócio na região. Atualmente, o grupo está em processo de sucessão familiar com a entrada dos filhos Erika Urban Rodrigues e Fernando Urban. O Grupo Farroupilha se estrutura através de uma gestão colaborativa, valorizando sempre o potencial humano e o desenvolvimento de seus processos através da tecnologia e o uso responsável de recursos.

É através da visão de vanguarda que a empresa entrega ao mercado uma produção diversificada que conta com café, algodão, milho, trigo, soja, semente de soja, ervilha, tomate e touros com genética de excelência para melhoramento de rebanhos.

A Fazenda Farroupilha Café, fica localizada em João Pinheiro (MG) e tem capacidade produtiva média de 50 sacas por hectare. Sua localização é excelente para a produção de cafés especiais.

Nas últimas safras apresentou cafés com bebidas diferenciadas e de alta pontuação!

E é um lote especial dessa tradicional fazenda que irão receber esse mês 😉

  • Região de origem: Cerrado Mineiro, João Pinheiro, estado de Minas Gerais
  • Fazenda: Farroupilha

  • Variedades: 100% Arábica – Catuaí amarelo

  • Processo: Natural

  • Altitude: 1.100 m

  • Florada: Setembro

  • Colheita: Início em Maio

  • Peneira: 16 acima

  • Pontuação: 86 pontos na escala SCA

  • Notas: Fragrância e aroma chocolate. Sabor de doce de leite, caramelo e chocolate. Corpo cremoso e acidez equilibrada. Finalização muito doce.

  • Certificações:

Logo Cerrado Mineiro

 

HISTÓRIA DA REGIÃO DO CERRADO MINEIRO

A Região do Cerrado Mineiro é uma origem de produção de café de alta qualidade, reconhecido no mundo – a primeira “Denominação de Origem” no Brasil, localizada no noroeste do estado de Minas Gerais.

Tendo estações bem definidas – um verão quente e úmido e um inverno agradavelmente seco – é uma forte característica da região. As plantações de café são cultivadas em áreas com altitudes variando entre 800 e 1.300 metros, como resultado, cafés de alta qualidade com uma identidade única.

Os cafés possuem “Garantia de Origem e Qualidade” pela Região do Cerrado Mineiro – D.O. Conselho Regulador.QRCode

O processo oficial de produção da Denominação de Origem, enfatiza e valoriza as características da nossa terra. Só cafés cultivados dentro da área oficialmente delimitada e que seguiu as regras do processo de produção definido pelo nosso Conselho Regulador, pode ter o Região do Cerrado Mineiro – D.O. assegurada pelo Selo de Procedência Garantida de Origem e Qualidade.