Esse é o café edição 98 do nosso clube de assinaturas!

Para o mês de junho selecionamos um café natural fermentado da região da Mogiana, São Paulo, com notas de caramelo, frutas vermelhas, mirtilo, frutas secas e especiarias.

A Fazenda Mantiqueira, que teve uma edição em outubro do ano passado, fica em Serra Negra, interior de São Paulo. A matriarca da família, Elza Dib, junto de seus filhos produzem cafés de alta qualidade com muita paixão e dedicação.

Toda essa qualidade e cuidado você sentirá em cada xícara desse café muito gostoso e marcante ;)

Produtor: Elza Dib

Fotos da fazenda mantiqueira

Situada em Serra Negra, na região da Serra da Mantiqueira, interior de São Paulo, a Fazenda Mantiqueira cultiva café 100% arábica e está localizada em um dos principais polos produtores de café do Brasil.

Por ser uma região montanhosa, está acima de 1000 metros de altitude, a região tem o clima ideal para produzir cafés especiais com sabores e aromas únicos.

A matriarca da família Elza Dib e seus filhos produzem cafés especiais com muita paixão e cuidado ;)

  • Região de origem: Mogiana Paulista, Serra Negra, estado de São Paulo

  • Fazenda: Mantiqueira

  • Variedades: 100% Arábica – Catucaí vermelho

  • Processo: Natural fermentado

  • Altitude: 1.260 m

  • Florada: Setembro

  • Colheita: Início em Maio e término em Agosto

  • Peneira: 16 acima

  • Pontuação: 86 pontos na escala SCA

  • Notas: Fragrância e aroma frutado. Sabor com notas de caramelo, frutas vermelhas, mirtilo, frutas secas e especiarias. Corpo aveludado e acidez tartárica. Finalização muito agradável.

  • Certificações: Não possui, agricultura familiar

HISTÓRIA DA REGIÃO DA MOGIANA

Mapa da região da Alta Mogiana no nordeste de São Paulo

A Mogiana, região do nordeste do estado de São Paulo, está estrategicamente localizada entre o sul de Minas Gerais e a região do Cerrado Mineiro, com altitude e clima favoráveis à prática da cafeicultura, é uma das regiões cafeeiras mais antigas do Brasil.

A região leva o nome da Companhia Mogiana, proprietária das ferrovias que cortavam as montanhas cafeeiras. A linha de trem era conhecida como “O Trem do Café” por seu papel em facilitar a produção e exportação antecipada de café. A região tem uma longa história de cultivo de café, que remonta ao século XIX. Hoje, mais de 1 milhão de sacas de café são cultivadas no Vale da Mogiana anualmente.

Com seu solo profundo e ricamente vermelho, a Mogiana tem uma gama única de microclimas que são conhecidos por suas notas em cada xícara. Os grãos produzidos nessa região possuem características únicas e são conhecidos pela qualidade, aroma marcante, corpo cremoso aveludado, acidez média e finalização prolongada.