Esse é o café edição 99 do nosso clube de assinaturas!

Para o mês de julho selecionamos um café que faz parte da Safra Premiada da Região do Cerrado Mineiro, ficando em 21º colocado!

É um lote muito especial com notas de chocolate amargo, caramelo, própolis, castanhas e amêndoas.

O produtor Taihei Korogi, nascido no Japão, é reconhecido como um empreendedor que ajudou no desenvolvimento econômico e social de Monte Carmelo e região. Além disso, é poeta!

Todo esse trabalho pioneiro e dedicação você sentirá em cada xícara desse café especial ;)

Produtor: Taihei Korogi

Fazenda pastão fotos

Taihei Korogi veio para o Brasil, juntamente com sua família, no ano de 1959, chegando na cidade de São Paulo para trabalhar em uma empresa de agrimensura, e posteriormente em empresa de cimento.

No ano de 1977, após o seu casamento, mudou-se para cidade de Monte Carmelo e juntamente com seus cunhados e irmãos iniciou o plantio do seu primeiro talhão de café.

Em 1981 mecanizou sua lavoura, principalmente a colheita. Atualmente, a Fazenda Pastão II possui 227 ha de café.

Taihei Korogi é efetivamente reconhecido como empreendedor que ajudou no desenvolvimento econômico e social de Monte Carmelo e região. Este reconhecimento de deu em função do expressivo número de empregos criados por seus empreendimentos e por seu papel social através da contribuição cultural com as suas poesias reconhecidas em nível internacional.

  • Região de origem: Cerrado Mineiro, Monte Carmelo, estado de Minas Gerais

  • Fazenda: Pastão II

  • Variedades: 100% Arábica – Mundo novo

  • Processo: Natural

  • Altitude: 1.011 m

  • Florada: Setembro/Outubro

  • Colheita: Início em Maio e término em Agosto

  • Peneira: 16 acima

  • Pontuação: 85,43 pontos na escala SCA

  • Notas: Fragrância e aroma frutado e doce. Sabor com notas de chocolate amargo, caramelo, própolis, castanhas e amêndoas. Corpo médio viscoso e cremoso e acidez cítrica. Finalização prazerosa.

  • Certificações: Região do Cerrado Mineiro DO

HISTÓRIA DA REGIÃO DO CERRADO MINEIRO

A Região do Cerrado Mineiro é uma origem de produção de café de alta qualidade, reconhecido no mundo – a primeira “Denominação de Origem” no Brasil, localizada no noroeste do estado de Minas Gerais.

Tendo estações bem definidas – um verão quente e úmido e um inverno agradavelmente seco – é uma forte característica da região. As plantações de café são cultivadas em áreas com altitudes variando entre 800 e 1.300 metros, como resultado, cafés de alta qualidade com uma identidade única.

Os cafés possuem “Garantia de Origem e Qualidade” pela Região do Cerrado Mineiro – D.O. Conselho Regulador.QRCode

O processo oficial de produção da Denominação de Origem, enfatiza e valoriza as características da nossa terra. Só cafés cultivados dentro da área oficialmente delimitada e que seguiu as regras do processo de produção definido pelo nosso Conselho Regulador, pode ter o Região do Cerrado Mineiro – D.O. assegurada pelo Selo de Procedência Garantida de Origem e Qualidade.